Informações e Contatos

Av. Indianópolis, 1287 - Planalto Paulista
CEP 04063-002 - São Paulo - SP

A saúde auditiva é um tema de grande relevância para a qualidade de vida das pessoas, mas muitas vezes é negligenciada ou desconhecida por boa parte do público leigo. Por isso, entre os dias 28 de agosto e 1° de setembro, acontece a Campanha da Lavagem Auricular de 2023. Fruto da parceria entre a Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial (ABORL-CCF) e a Sociedade Brasileira de Otologia, a iniciativa tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância de fazer procedimentos otológicos (como a lavagem) com um otorrinolaringologista.

Por isso, a seguir você confere uma entrevista exclusiva com a Dra. Clarissa Castagno, médica otorrinolaringologista e coordenadora da campanha. Ela vai explicar o que é a lavagem auricular, quais são as suas indicações e contraindicações e como ela pode ajudar a prevenir problemas como entupimento, dor e até mesmo infecções.

Entrevista: Dra. Clarissa Castagno, médica otorrinolaringologista e coordenadora da campanha

[Portal VoxOtorrino] Quais são os principais objetivos da campanha de lavagem auricular?

[Dra. Clarissa] Levar ao conhecimento da população a importância que tem que ser dada ao ouvido com cera, no momento que é feito o procedimento de remoção. O ouvido, como descrito a seguir, é um órgão sensorial delicado e exige cuidados. 

Qual é o papel dos otorrinolaringologistas na campanha de lavagem auricular? 

A ideia é continuar a manter o alerta aos seus pacientes que insistem em usar materiais por conta própria e até mesmo recorrer a qualquer pessoa que se intitule “capacitada”, mas sem formação médica.

Como você espera que as pessoas respondam à campanha de lavagem auricular? 

A campanha é uma ótima forma de conscientizar as pessoas de que seu ouvido importa e não pode ser entregue para manipulação a qualquer indivíduo que não tenha capacitação. Procure sempre o médico e, mais precisamente, o especialista em otorrinolaringologia da sua região.

Quais são os principais problemas que as pessoas enfrentam quando se trata de lavagem auricular? Quais são os riscos frequentes associados à lavagem auricular?

Caso esse procedimento seja feito por outro tipo de profissional, os riscos de complicações aumentam. É possível que aconteça a irritação ou lesão do canal auditivo e o deslocamento ou impactação da cera, empurrando o cerume mais profundamente, o que causaria mais dores, desconforto ou risco de infecção. Outro alerta é sobre o uso de produtos, como o cone chinês ou cone hindu. Há perigo de lesões, como queimaduras, bloqueio do canal auditivo e ruptura do tímpano.

Em que consiste o acúmulo de cera?

Todo mundo tem cera nos ouvidos, mas para algumas pessoas ele pode ser excessivo, impedindo o organismo de eliminá-la. Também conhecida como cerume, essa substância é produzida naturalmente e tem como função proteger a pele do canal auditivo, que é bastante fina e frágil.

Por que acontece acúmulo de cera no ouvido? O que contribui para isso?  

O entupimento do canal auditivo por excesso de cera é frequentemente desencadeado pelo uso inadequado de hastes de algodão ou outros objetos na tentativa de limpar os ouvidos, essa prática empurra a cera ainda mais para dentro, em vez de removê-la. Outro fator de risco para o seu acúmulo é a idade do paciente, pois ocorrem mudanças na composição do cerume produzido pelas glândulas ceruminosas nos ouvidos das pessoas de maior idade, que tendem a tornar a cera mais rígida e menos lubrificada. Além disso, a pele que reveste o canal auditivo também sofre alterações e isso contribui para uma redução na capacidade natural do ouvido de expulsar a cera de forma eficiente.

Quais são os principais benefícios da lavagem auricular? 

Recuperar a liberação do conduto auditivo externo para o som passar livremente e não causar infecções locais com dor e desconforto maior. 

Quais são as principais recomendações para quem deseja fazer uma lavagem auricular? 

Sempre procurar um médico, de preferência um especialista otorrinolaringologista.

Acompanhe as próximas notícias no Portal VOX Otorrino e envie as suas sugestões de pauta para comunicacao1@aborlccf.org.br.

COMPARTILHAR:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rino 50th In Rio: como foi o evento, segundo quem esteve lá