Informações e Contatos

Av. Indianópolis, 1287 - Planalto Paulista
CEP 04063-002 - São Paulo - SP

Palestras apresentaram abordagens, como paralisia de pregas vocais em crianças, implantes cocleares, crianças com estridor, entre outras.

O segundo dia do Combined Meeting e Four Otology contou com a participação de profissionais internacionais que contribuíram com seus conhecimentos, durante toda a programação. Temas, como paralisia de pregas vocais em crianças, implantes cocleares, crianças com estridor, entre outros, foram abordados, com o objetivo de trocar novos conhecimentos entre os participantes. O evento começou ontem (9) e segue até amanhã (11), na Amcham, em São Paulo.

A coordenadora da área de Otorrinolaringologia Pediátrica, Cláudia Schweiger, comentou que foi possível ver a alegria nos olhos das pessoas por poderem estar em um evento presencial e reencontrar colegas de profissão. “A sala de Otorrinolaringologia Pediátrica ficou cheia o dia todo”, contou a médica.

“Abordamos casos de crianças com estridor e vários outros temas importantes para o desenvolvimento infantil. Reabrimos os congressos presenciais com chave de ouro.”, comentou a médica.

Para Carlos Takahiro Chone, o congresso foi um sucesso. “Tratamos das abordagens sobre câncer de laringe e o uso de novas tecnologias. O evento contribuiu muito com novas ideias para serem levadas ao dia a dia dos consultórios”, comentou o médico especialista em Cabeça e Pescoço.

Agrício Crespo, diretor do Instituto de Otorrinolaringologia que será inaugurado, em breve, na Unicamp (Universidade de Campinas), disse que o evento está surpreendente. “Novos desafios surgiram com a pandemia. Na Laringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, a via aérea foi muito acometida. Com isso, novas doenças surgiram e ainda não foram interpretadas, tanto do ponto de vista de diagnóstico como no ponto de vista de tratamento.”

Alguns casos foram selecionados pelos palestrantes e, ao serem abordados na mesa-redonda, viram um ponto em comum nesses casos: um edema inflamatório. Para Agrício, o congresso foi fundamental para que esse ponto em comum fosse descoberto e, a partir de agora, analisado.

O evento segue até amanhã (11), com mais palestras e mesas-redondas. Acompanhe no portal VOX Otorrino.

 

 

 

COMPARTILHAR:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Combined Meeting e Four Otology começou com mais de 180 pessoas presentes